Nove Alimentos que Aumentam a Contagem de Espermatozoides e a Fertilidade Masculina

Nove Alimentos que Aumentam a Contagem de Espermatozoides e a Fertilidade Masculina

Você está ciente da importância de uma dieta saudável para o bem-estar geral. No entanto, você sabia que os alimentos que você ingere têm um impacto direto na qualidade e na fertilidade do seu esperma? É sim.

Última atualização: 15 de novembro de 2023
Top 7 Melhores Pílulas Potenciadoras de Ereção e Comprimidos de Aumento Peniano
POWER CAVALO CAPS DOBRO PROMO - Compre 1 leve 2 POTES

Por esta razão, para manter a capacidade reprodutiva ideal e a saúde dos espermatozoides, precisamos ingerir diariamente uma grande quantidade de nutrientes favoráveis ​​à fertilidade.

Descreveremos neste post 9 itens que foram cientificamente comprovados para aumentar a fertilidade, que você pode incluir de forma consistente em sua dieta.

Faça um esforço para consumir mais desses nutrientes e compostos

Analisaremos brevemente os componentes vitais e os nutrientes necessários para uma proficiência ideal em fertilidade antes de nos aprofundarmos nas refeições específicas que você pode usar para aumentar sua capacidade reprodutiva.

Aumentar a quantidade dessas moléculas em sua dieta deve ter um impacto positivo na sua saúde reprodutiva.

Antioxidantes

Antioxidantes fortes que apoiam a fertilidade e o bem-estar incluem vitaminas C, A e E; eles também incluem minerais como selênio e substâncias vegetais como flavonóides, polifenóis e carotenóides.

Esses antioxidantes melhoram o fluxo sanguíneo, diminuem o estresse oxidativo e diminuem a inflamação – todos elementos essenciais para melhorar a saúde reprodutiva.

Zinco

O zinco é um mineral vital que é crucial para a síntese de testosterona e desempenha um papel importante no desenvolvimento de espermatozoides saudáveis, bem como no funcionamento normal da próstata.

Estudos mostram que os homens que consomem quantidades insuficientes de zinco são mais vulneráveis ​​à diminuição da fertilidade.

Aminoácidos

Numerosos aminoácidos, como lisina, carnitina e arginina, apoiam uma boa motilidade espermática e uma produção robusta de espermatozoides.

Além disso, estas substâncias apoiam o aumento do fluxo sanguíneo para os órgãos reprodutivos, o que melhora a função eréctil e a capacidade reprodutiva total.

Ômega-3

Os ácidos graxos ômega-3, um tipo de gordura poliinsaturada, constituem uma fração considerável dos espermatozoides e são essenciais para o desenvolvimento de espermatozoides saudáveis ​​e móveis.

No entanto, o corpo humano só pode fabricar quantidades muito pequenas destes, pelo que uma dieta saudável é essencial para uma saúde reprodutiva óptima.

Vitaminas B

Os benefícios das vitaminas B, incluindo folato (vitamina B9), vitamina B12 e vitamina B6, são extensos para a capacidade de procriação do homem.

Os conhecidos benefícios para a saúde das vitaminas B são cruciais para a produção e manutenção de espermatozóides saudáveis. Além disso, promovem níveis saudáveis ​​de andrógenos, o que é essencial para a boa forma sexual dos homens.

Utilize estes 9 alimentos para maximizar a fertilidade e a contagem de espermatozoides

Esses nove alimentos podem ser incorporados à sua dieta para ajudar a aumentar o número de espermatozoides e seu potencial reprodutivo máximo.

Você terá uma saúde reprodutiva muito melhor se incorporar esses alimentos em sua dieta regular.

  1. Ostras

As ostras estão no topo de todos os alimentos em termos de consumo dietético de zinco por porção.

Essas delícias deliciosas estão repletas de zinco – cerca de 76,6 miligramas por seis ostras de tamanho médio.

Mas isso não é tudo.

Grandes concentrações de vitamina B12, vitamina D e selênio também são encontradas nas ostras, todas elas apoiando fortemente a qualidade do esperma.

Devido à sua alta riqueza de nutrientes que promovem a fertilidade, as ostras são consideradas por muitos como o melhor alimento “promotor da libido”.

  1. Fígado

Por uma boa razão, a notável composição nutricional do fígado tornou-o cada vez mais popular entre aqueles que se preocupam com a saúde.

A carne do fígado está repleta de:

  • Vitamina A
  • Vitamina b12
  • Folato (vitamina B9)
  • CoQ10

A coenzima Q10 funciona como um forte antioxidante. É essencial para o desenvolvimento de todas as células saudáveis ​​do corpo, incluindo os espermatozoides.

Um estudo de 2019 descobriu que homens com infertilidade apresentavam melhores parâmetros de sêmen quando consumiam mais Co Q10.

As vitaminas A, B12 e B9 também aumentam significativamente a capacidade dos homens de se tornarem férteis.

  1. Carne bovina

Apesar dos mitos que cercam a carne vermelha ou bovina, é definitivamente um “superalimento” para a saúde reprodutiva do homem.

Embora certos cortes de carne bovina incluam muita gordura saturada, a carne também contém muitos ingredientes que são bons para a fertilidade.

Esses incluem:

  • Vitamina b12
  • Ômega-3
  • Zinco
  • Selênio
  • Carnitina

Os espermatozoides contêm grandes quantidades do aminoácido carnitina (L-carnitina), que, quando tomado por via oral, pode melhorar a qualidade do esperma.

Descobriu-se que a motilidade dos espermatozoides melhorou com sucesso com o aumento do consumo de carnitina em um ensaio que incluiu sessenta homens com problemas reprodutivos.

Além disso, apoiando uma fertilidade mais saudável está o alto teor de outras vitaminas e minerais.

  1. Salmão

O salmão não é apenas uma grande fonte de proteína de alta qualidade, mas também possui uma alta concentração de gorduras benéficas, ou ômega-3.

As características melhoradas do sêmen estão correlacionadas com uma maior ingestão de ômega-3, de acordo com uma revisão abrangente publicada na Andrology.

Além disso, o salmão contém compostos que estimulam a fertilidade, como:

  • Vitamina b12
  • Ácido Aspártico
  • Arginina

O ácido aspártico e a arginina são dois outros aminoácidos que possuem propriedades benéficas para a reprodução.

Como as sardinhas contêm muitos dos mesmos componentes que tornam o salmão atraente para o esperma, elas podem ser usadas no lugar do salmão.

  1. Nozes e castanhas do Pará

O selênio, um mineral que auxilia na maturação dos espermatozoides dentro dos testículos, é abundante na castanha-do-pará.

Um estudo envolvendo 69 homens com problemas de infertilidade descobriu que consumir mais selênio aumentava a motilidade dos espermatozoides e as chances de gravidez.

As nozes são outra noz muito procurada em dietas que aumentam a fertilidade porque melhoram a saúde e a fertilidade do esperma.

Isso ocorre porque as nozes contêm altos níveis de:

  • Vitamina B6
  • Folato (vitamina B9)
  • Zinco
  • Ômega-3

Foi demonstrado que a densidade e a contagem de espermatozoides estão altamente associadas aos níveis internos de folato (vitamina B9) dos homens, de acordo com um estudo patrocinado pelo Serviço de Pesquisa Agrícola do USDA.

É altamente recomendável combinar porções suficientes de castanha-do-pará com nozes.

  1. Sementes de abóbora

As sementes de abóbora são ricas em nutrientes e oferecem muitas fibras e proteínas, o que beneficia muitos aspectos da saúde geral.

Especificamente em termos de fertilidade, eles são carregados com zinco, um mineral que há muito é conhecido por promover a saúde dos espermatozoides.

Um artigo publicado no Journal of Reproduction & Infertility afirma que tomar zinco por via oral aumenta o número de espermatozoides e outras características do sêmen.

As sementes de abóbora têm uma concentração incrível de zinco além de ômega-3 que promovem a saúde do esperma.

  1. Alho

Antioxidantes fortes como o alho protegem inúmeras células importantes do estresse oxidativo prejudicial. Células reprodutivas importantes, incluindo as dos testículos e da próstata, também são cobertas por esta proteção.

De acordo com uma análise clínica completa publicada no Journal of Herbmed Pharmacology, o alho pode aumentar a espermatogênese e a fertilidade, ao mesmo tempo que promove a produção de testosterona.

O alho também contém concentrações consideráveis ​​de:

  • Vitamina B6
  • Vitamina C
  • Selênio

O alho é um ingrediente simples para adicionar a uma variedade de refeições, aumentando o sabor, a densidade do esperma e o potencial reprodutivo.

  1. Espinafre

Vegetais ricos em folato, como o espinafre, podem promover uma melhor espermatogênese e possivelmente uma contagem ainda maior de espermatozoides.

Além disso, o alimento de folhas verdes protege os espermatozoides do estresse oxidativo graças aos antioxidantes como as vitaminas C e E.

Se você não gosta de espinafre, experimente comer mais:

Esses vegetais contêm quantidades comparáveis ​​de folato (vitamina B9), bem como várias outras vitaminas e minerais que são conhecidos por serem bons para a saúde reprodutiva.

  1. Tomates

O licopeno, antioxidante pertencente à família dos carotenóides, é muito valorizado no tomate devido à sua elevada concentração.

Uma substância bioativa encontrada em muitas frutas e vegetais vermelhos, rosa e laranja é chamada licopeno. Mas os tomates são a fonte de alimento mais abundante.

A maioria dos participantes de um estudo envolvendo trinta homens com problemas de infertilidade relataram aumento da motilidade e concentração dos espermatozoides quando consumiam mais licopeno regularmente.

Se preferir não comer tomates, experimente:

  • Goiaba
  • Melancia
  • Mamão
  • Toranja

Estas frutas e tomates têm níveis semelhantes de licopeno.

Comer qualquer combinação dessas nove refeições regularmente deve ter um impacto positivo na saúde e na fertilidade do esperma.

É crucial lembrar que o sucesso requer consistência. Para resultados máximos, seria ótimo se você recebesse porções suficientes de cada item todos os dias.

Evite esses alimentos para maximizar a fertilidade e a contagem de espermatozoides

Claro, existem alimentos que você não deve comer além daqueles que deveria.

Se maximizar seu potencial de fertilidade é importante para você, daremos uma breve lista de alimentos que devem ser evitados como uma praga.

  1. Comida frita

Você deve evitar completamente ou restringir severamente as refeições fritas se quiser aumentar suas chances de atingir seu potencial reprodutivo máximo.

Infelizmente, as gorduras trans – que podem prejudicar a saúde do esperma – são abundantes na maioria dos alimentos fritos.

  1. Carne Excessivamente Processada

A fertilidade de um homem pode ser prejudicada pelo consumo excessivo de carne bovina altamente processada, de acordo com vários estudos.

Dados de um estudo realizado na Escola de Saúde Pública de Harvard, numa coorte de 141 homens, sugeriram uma ligação entre a baixa fertilidade e o consumo de carne processada.

  1. Álcool excessivo

O álcool não é exatamente um alimento, mas pode prejudicar gravemente os espermatozoides, principalmente se consumido em excesso.

Um exame de 15 estudos envolvendo mais de 16.000 homens foi apresentado em uma revisão clínica publicada na Reproductive Biomedicine Online. Revelou que o maior consumo de álcool estava consistentemente associado a uma pior saúde do esperma.

A boa notícia é que os danos aos espermatozoides causados ​​pelo álcool podem ser reparados com o tempo.

Seria melhor abster-se desses “prazeres culposos” se quiser maximizar suas chances de engravidar.

Um suplemento totalmente natural pode ajudar

Suplemento Estimulante Erus Man

Para muitos de nós, pode ser quase difícil seguir uma dieta rigorosa e ficar longe de substâncias nocivas. É aí que um suplemento totalmente natural que aumenta a fertilidade pode ajudar.

Aconselhamos os homens a tomarem o suplemento dietético 100% natural Erus Man para aumentar a contagem de espermatozoides e a fertilidade. Foi observado que Semenax aumenta significativamente o volume do sêmen. Com seus 18 ingredientes superiores que promovem a fertilidade, Erus Man é um potente suplemento totalmente natural.